Câncer de Próstata e Sexualidade

Atualizado: 1 de dez. de 2021

Hoje inicia o Novembro Azul e por isso quero começar o mês falando da relação entre câncer de próstata e vida sexual


A dúvida "vou conseguiu ter ereção normalmente?" ronda a cabeça dos homens com diagnóstico de câncer de próstata.


O risco da disfunção erétil existe sim, contudo as chances são menores quanto antes o diagnóstico é feito.


E é importante saber que em muitos casos a disfunção é temporária. E mesmo que seja permanente, há formas de se adaptar e voltar a ter uma vida sexual ativa. Medicamentos orais, injeções no pênis e próteses existem para mostrar que há tratamentos sim e não será o fim da vida sexual.


A perda de libido é normalmente outra consequência do câncer - não apenas o de próstata. Ela pode aparecer como efeito da terapia medicamentosa, por um quadro de fadiga, por conta de inflamações e, claro, por fatores psicológicos - é comum a ansiedade, o estresse, a depressão e uma baixa na estima aparecerem após recebimento do diagnóstico.


Converse com a parceria caso você sinta que algo não vai bem com sua saúde sexual durante o tratamento. Tire dúvidas com seu médico e tenha um terapeuta sexual. Contar com o apoio dessas pessoas e estar ciente sobre possíveis alterações no corpo, bem como métodos para tratar a disfunção erétil caso ela surja, vão ajudar você a ter expectativas mais realistas e diminuir a ansiedade à respeito do assunto.

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo